1/23/2018 0h0
Ishikawa anuncia diretrizes
E-mail

Ante a perspectiva de retomada gradual do emprego em 2018 e o ingresso de novos trabalhadores na construção, o presidente do Seconci-SP, Haruo Ishikawa, em entrevista ao site da entidade, traçou as diretrizes de sua gestão, iniciada em 2 de janeiro. “O papel do Seconci-SP será o de colaborar com as empresas para uma absorção segura desses novos trabalhadores, sem prejuízo dos cuidados com os que já estão empregados.”
    Com relação às empresas terceirizadas, o Seconci-SP trabalhará para conscientizá-las de que têm os mesmos deveres e direitos de suas contratantes, em relação à saúde e à segurança do trabalho de seus colaboradores. “Devemos atentar para isso não apenas por ser uma exigência legal, mas por fazer parte do escopo de responsabilidade social do Seconci-SP”, afirma.
    Outra novidade será o desenvolvimento de um estudo com a participação de diversas construtoras, coordenado pela Gerência de Relacionamento com o Mercado e pelo Iepac (Instituto de Ensino e Pesquisa Armênio Crestana) do Seconci-SP, para a criação de indicadores sobre segurança do trabalho na construção, “com vasto intercâmbio de experiências prevencionistas, visando a redução de acidentes e incidentes e o aumento da produtividade”. O Iepac também ampliará o uso da nova plataforma de Ensino à Distância.
    Nas unidades de saúde pública sob administração do Seconci-SP, será mantida a meta de “oferecer permanentemente um atendimento de excelência aos usuários. E iremos assumir a administração do AME São Vicente”, informou.
Leia a íntegra da entrevista