10/27/2016 0h0
PCDs
E-mail

Seconci-SP apresenta estudo sobre PCDs 

O Estudo de Viabilidade para Inserção Segura de PCDs (Pessoas com Deficiência) em Equipes de Enfermagem foi apresentado pela superintendente do Iepac do Seconci-SP (Instituto de Ensino e Pesquisa Armênio Crestana), dra. Norma Araujo,  no 1º Congresso Estadual do Sindhosfil (Sindicato das Santas Casas de Misericórdia e Hospitais Filantrópicos do Estado de São Paulo), em 19 de outubro, em São Pedro.

A dra. Norma mostrou a matriz de viabilidade de inserção segura de profissionais com 38 tipos de deficiências, em 12 funções que exercem um total de 414 atividades diferentes de enfermagem, em 25 ambientes ambulatoriais e hospitalares. Realizado em 2012 pelo Seconci-SP, o estudo foi atualizado de acordo com as disposições do Estatuto da PCD e incluiu o profissional monocular, plenamente recomendado para inserção em 7 ambientes de serviços de saúde.

A superintendente informou que os próximos passos serão a discussão das recomendações do estudo e a elaboração de consensos, sua estruturação para publicação digital com pesquisa de variáveis e a definição de data de evento para seu lançamento.

O Iepac do Seconci-SP integra o Grupo de Trabalho do Sind-
hosfil que realiza ações pela inserção segura de PCDs nos serviços de saúde. Também compõem o GT representantes de Hospital Albert Einstein, HCOR, Hospital Santa Catarina, Santa Casa de São Paulo, Sepaco e SPDM.