8/24/2015 0h0
Seconci-SP dá salto de qualidade com a aquisição de novos equipamentos
E-mail

O Seconci-SP acaba de adquirir dois novos equipamentos para a realização de exames de ultrassom e sorologia: o Ultrassom HD 15 e o Liaison XL, ambos de última geração. Desta forma, a entidade de responsabilidade social da construção paulista vai oferecer mais rapidez e qualidade nos atendimentos realizados aos 900 mil trabalhadores do setor e seus familiares em todo o Estado.

“O elevado padrão de qualidade das imagens geradas pelo novo sistema de ultrassom possibilita a obtenção dos resultados em menos tempo e a elaboração de laudos com maior segurança”, afirma a Dra. Selma Parenti Gonçalves, responsável pela realização dos exames de ultrassom da entidade.

Com isso, um número maior de pacientes poderá ser atendido nos exames de ultrassom. Mensalmente, cerca de 2.500 desses procedimentos são realizados na Unidade Central do Seconci-SP, na capital paulista. Entre estes, estão os de abdômen, pequenas partes, mama, pediatria, músculo-esquelético e ginecológico.

Além disso, o Seconci-SP realiza cerca de seis mil exames laboratoriais por mês. Com a aquisição do novo equipamento de quimioluminescência, essa quantidade de atendimentos poderá aumentar e os resultados das sorologias serão ainda mais precisos. O aparelho realiza o diagnóstico sorológico de HIV, rubéola, toxoplasmose, Doença de Chagas e todas as hepatites (A, B e C).

“Com o aparelho Liaison XL, a Unidade Central do Seconci-SP passa a receber os exames sorológicos realizados nas nossas Unidades de Campinas, Piracicaba, Sorocaba, Baixada Santista e Santo André, o que elimina a necessidade de contratar serviços de empresas terceirizadas e garante que o nosso padrão de qualidade perfaça todo esse caminho. Vale ressaltar que a repetição de exames, procedimento comum entre os laboratórios, não será mais necessária, devido à tecnologia avançada do equipamento”, enfatiza o superintendente Ambulatorial do Seconci-SP, Dr. João Felício Miziara Filho.

Os principais beneficiados com o investimento serão os trabalhadores da construção civil e seus familiares da capital paulista e de mais nove municípios onde o Seconci-SP está presente: Santo André, Santos, Praia Grande, Riviera de São Lourenço, Cubatão, Campinas, Piracicaba, São José dos Campos e Sorocaba.