4/9/2015 18h46
Seconci-SP oferece palestras de combate à dengue e à febre chicungunha
E-mail
O Estado de São Paulo enfrenta uma epidemia de casos de dengue, batendo todos os recordes dos anos anteriores. Por essa razão, o Seconci-SP tem intensificado seu programa de palestras sobre a dengue e a febre chicungunha, que compartilham o mesmo agente transmissor, o mosquito Aedes aegypti. A coordenadora do setor de Serviço Social do Seconci-SP, Angela Nogueira Braga da Silva, destaca que os canteiros de obra são um local propício para a proliferação do mosquito. “Nosso papel é orientar os trabalhadores sobre a importância de eliminar possíveis focos, tanto no local de trabalho como em seus domicílios. O objetivo das palestras é que eles levem as dicas de prevenção para dentro de casa e repassem as informações aos familiares, uma vez que 70% dos focos do mosquito Aedes aegypti estão em residências”. As palestras oferecidas pelo Seconci-SP são destinadas aos trabalhadores de obra, mas também aos de escritório, como o que ocorreu no dia 6 de abril, quando 35 funcionários administrativos da Construtora Adolpho Lindenberg receberam orientação sobre as formas de contágio e controle da dengue e da febre chicungunha. Serviço As empresas da construção civil, que tiverem interesse na palestra de combate à dengue e à febre chicungunha, devem entrar em contato com o setor de Relações Empresariais (11 3664-5059 / relacoesempresariais@seconci-sp.org.br).