5/11/2014 19h11
Seconci-SP prevê 6 milhões de atendimentos em 2014
E-mail
O Seconci-SP deverá realizar em 2014 um novo recorde anual de atendimentos: cerca de 6 milhões, com os 12 mil funcionários de suas 61 unidades de saúde próprias e daquelas dos governos do Estado e do Município de São Paulo, que a entidade administra. Foi o que anunciou o presidente do Seconci-SP, Sergio Porto, ao receber a visita do grupo de Novos Empreendedores do Secovi-SP (Sindicato da Habitação), em 29 de outubro. Em comparação a 2013, os números anunciados representam aumento de 20% em atendimentos e de 30% em funcionários. O presidente fez um amplo relato sobre os serviços de saúde e segurança do trabalho prestados pela entidade, e as diversas certificações de qualidade conquistadas. “Mostramos que somente com a participação de excelência da sociedade organizada, da qual faz parte a construção civil, o país resolverá seus problemas com a saúde. Nosso desejo, ao apresentar o Seconci-SP a vocês, é que a cadeia produtiva do setor conheça a importância da entidade, para que ela se perpetue”, afirmou Porto. O grupo de Novos Empreendedores veio liderado pela coordenadora geral, Carolina Rafaella Ferreira, junto com o vice-presidente de Desenvolvimento do Secovi-SP e presidente da Fiabci-Brasil, Basilio Jafet; o representante do Secovi-SP à Fecomércio e ex-vice-presidente do Seconci-SP, Sergio Mauad; e o presidente do Sinaenco (Sindicato da Arquitetura e Engenharia), José Roberto Bernasconi. Carolina parabenizou o Seconci-SP e colocou o grupo de Novos Empreendedores à disposição como “grande parceiro e apoiador da entidade”. Jafet afirmou que o trabalho desenvolvido pela instituição “é excepcional, precisa ser divulgado e mostra o peso e a responsabilidade cada vez maior da iniciativa privada no desenvolvimento do país. Por isso, precisamos mostrar nossas ideias e lutar com o poder público pelo atendimento de nossas reivindicações”. Bernasconi afirmou endossar essas manifestações e elogiou o “trabalho sacerdotal de contribuição à saúde e à qualidade de vida nacional” desenvolvido pelo Conselho da entidade de forma voluntária. Mauad agradeceu a colaboração do Seconci-SP para o Projeto Ampliar do Secovi-SP, de formação de jovens carentes. Também participaram do encontro o vice-presidente do Seconci-SP, Haruo Ishikawa; os conselheiros Antonio Carlos Salgueiro de Araujo, Cesar Scatena, Roberto José Falcão Bauer, Sergio Watanabe e Yves Mifano; o superintendente geral, Fernando Costa; o superintendente ambulatorial, João Felício Miziara Filho, e o coordenador geral da comunicação, Nabil Cury.